Sales Funnel - Vero Contents
Getting your Trinity Audio player ready...

Talvez você já tenha ouvido falar no termo funil de vendas em alguma oportunidade. Quando falamos de marketing digital, o conhecimento do funil de vendas é obrigatório.

Para saber o que é vamos ilustrar a seguinte situação: um usuário visita seu site e começa a ler sobre seus produtos e serviços. Nesse momento, ele está de alguma forma, pensando se vai adquirir seus produtos ou serviços ou não.

O conhecimento da purchasing journey do cliente é o que possibilita o planejamento de cada etapa da venda. Veja aqui as vantagens do uso de um funil de vendas e aprenda como montá-lo. Vamos lá!

O que é um funil de vendas?

Para início de conversa, é importante ter em mente que planejamento é a base de qualquer negócio, ainda mais no mundo digital.

Um funil de vendas é um modelo que mostra a jornada de compra de um cliente potencial desde o momento em que é feito um contato inicial com sua empresa até a finalização da compra.

O funil de vendas varia de acordo com o tipo de negócio e, por isso, é fundamental saber montá-lo e conhecer bem o que ocorre em cada etapa do ciclo.

Como funciona o funil de vendas?

Um funil de vendas pode ser dividido, a grosso modo, em 3 partes: topo, meio e fundo. Cada uma delas possui suas características e, assim, acaba demandando estratégias de marketing específicas. Veja abaixo:

Topo de funil

Neste primeiro estágio, os usuários querem resolver algum problema ou satisfazer uma necessidade e estão procurando informações sobre algum mercado. Esse usuário ainda não está pronto para consumir o produto ou serviço, pois ainda não decidiu o que deseja.

Muitas vezes, no topo do funil, o usuário não tem conhecimento ainda do seu problema a ser resolvido.

Meio de funil

A pessoa já está mais informada ou educada sobre um determinado assunto e está no processo de definir qual é a melhor solução para o problema. O objetivo agora é realizar uma conversão, transformando-a em um lead, por meio do preenchimento de um formulário.

Para que isso ocorra, é preciso oferecer um incentivo em troca, como um material de conteúdo interessante, por exemplo. Assim, você o estará ajudando a obter mais informações sobre o seu problema. E também se colocará como uma possível solução para ele.

Fundo de funil

O fundo do funil é onde o lead pode se tornar uma oportunidade de negócios. O usuário já possui mais informações sobre o assunto e sobre a sua empresa. Provavelmente, já realizou uma quantidade determinada de conversões em seu site e já possui diversos materiais de sua empresa.

É neste momento que você deve convencer seu lead sobre a contratação dos seus serviços ou a compra do seu produto.

Como montá-lo?

A sugestão é que você siga os 4 passos que listamos abaixo para montar o seu funil de vendas:

1. Chame a atenção do seu visitante

Procure atrair o visitante para o seu site, landing pageblog ou perfil em rede social por meio de estratégias de marketing digital.

2. Capture-o

Depois de chamar a atenção do seu visitante, o momento é de fazer com que ele forneça dados de contato para que você comece a se relacionar com ele.

Uma maneira muito usada para isso é dar em troca um e-book gratuito, com um conteúdo bem caprichado! Existem também outras formas muito eficientes, como a realização de webinars, por exemplo, que também podem ajudar a converter visitantes em leads.

3. Nutra-o

Nutrir um potencial cliente é convencê-lo de que seu produto/serviço pode ser a solução de um problema.

Depoimentos e vídeos de consumidores costumam ser uma forma eficiente de construir a credibilidade da empresa. Técnicas como promoção e oferta gratuita de outros produtos também costumam ser utilizadas.

4. Converta

Por fim, faça com que seu potencial cliente pague o valor do seu produto/serviço para resolver seu problema.

Não há segredo: para você entender o comportamento do seu potencial cliente, é preciso dedicar tempo para a montagem do funil de vendas do seu negócio e, claro, estudar detalhadamente cada parte para que ele avance todas as etapas.

Um erro muito comum é focar apenas no topo do funil e, em seguida, não ter clareza sobre o que fazer até a conclusão da compra.

A dica é observar quanto custa cada etapa, quais são os possíveis gargalos e os pontos para melhoria do processo. E não se esqueça de revisar seu funil de vendas periodicamente!

Você gostou deste texto sobre funil de vendas? Aproveite a visita para assinar a nossa newsletter!

Sales funnel: what is it and how does it help marketing?

Comments are closed.

en_US

RELEASE FROM VERO CONTENTS

ATTENTION!!

VERO CONTENTS DOES NOT OFFER ANY TYPE OF EMPLOYMENT VIA TELEGRAM. SOME PEOPLE ARE POSING AS VERO EMPLOYEES, BUT THERE IS NO RELATIONSHIP WITH US. WE ARE TAKING THE NECESSARY STEPS TO IDENTIFY THESE PEOPLE.